Agora, amig@, vamos a um exemplo prático de formatação de URL’s. Antes de tudo, tu deves estar perguntando o que é URL. URL quer dizer “Uniform Resource Location“, Localizador Universal de Recursos, o mesmo que linque ou Elo de Ligação ou atalho. No endereço acima é possível ter mais informações sobre URL´s.
O problema com as URL´s é que nem sempre o endereço é autoexplicativo, além do recurso das URL´s Curtas, o que embaralha em muito a compreensão de para onde o linque aponta. Para efeito de exemplo, digamos que estou em um “Chat” sobre o Servidor Samba e seus recursos. Preciso passar para os outros postantes uma URL com dicas de configuração do Samba em um domínio misto (Windows | GNU-Linux).
o endereço (URL) a passar é este:

http://osdir.com/ml/culture.publications.dicas/2006-07/msg01900.html

Seria melhor, tanto esteticamente quanto a tecer, na própria URL, informações sobre o seu destino, que eu a passasse assim:

Usando Um Servidor Samba Com controle De Acesso Ao Compartilhamento

que é, aliás, o título do tópico de discussão, lá na página referenciada. Aponte para o linque, neste último formato passado. Observe que quando eu faço isso, o Cursor do Rato muda para a mãozinha, indicando que ali é um ELO, um link, e, lá embaixo, na Barra de Status do Navegador, eu vejo o destino real, igual, claro, ao primeiro formato passado, sem o a formatação “elucidativa”. Esta é, aliás, uma forma básica, mas muito efetiva de se checar se um destino é correto ou se trata de Spam, Phishing ou similar. Se a URL amigável diz, por exemplo: “Bradesco, o Seu Banco. Clique Aqui para atualizar seu cadastro“, e, quando tu apontas para a Barra de Status, lês a seguinte URL: “http:dagedu.rostrov.fei.ru“, desconfie e não clique, mesmo. Aliás, banco não solicita nada por e-mail. E-mail de banco só para desejar feliz aniversário, e olhe lá…
Para passar esta mensagem como ELO HTML amigável eu vou precisar utilizar Tags (sempre, claro) e parâmetros que vão informar ao Navegador que ali tem um linque, um Elo de Ligação. O comando é href. Eu abro a Tag HREF sempre com [A,a] (de Âncora) seguido do próprio HREF (ou href). Explicando brevemente os parâmetros:
< = abre a Tag, como é praxe;
a = indica uma âncora, apontamento;
href = indica âncora tipo URL (a mais usual);
URL = http://osdir.com/ml/culture.publications.dicas/2006-07/msg01900.html; O destino efetivo;
target=”_blank (opcional) = Indica que a URL abrirá em outra página ou aba, se o Navegador tiver o recurso de abas;
>” = delimitador final da URL → texto amigável);
</a> = fecha a tag, aqui, do tipo “A”, Âncora. Indica o final do linque.
Texto Amigável = “Usando Um Servidor Samba Com controle De Acesso Ao Compartilhamento“. Texto autoexplicativo do Destino. Aqui, você pode ajustá-lo para refletir melhor o tópico.

Dica: Sempre aponte para o Link Amigável e observe, lá embaixo, na Barra de Status do Navegador, para onde aponta o Destino. Lá estará a URL real da página. O Nome amigável é para isso mesmo. Para te fazer entender o Destino e se sentir tentado a ler, a partir do texto amigável. Alternativamente, podes selecionar um trecho do documento, inclusive com o “link“, e, com o botão de contexto do Rato, na maioria dos Navegadores, escolhes “Exibir Código-Fonte da Seleção“. Terás acesso, em aba ou página separada, ou a um “Frame“, à formatação em HTML da Seleção atual.

Anúncios